50 anos atrás, a lavagem verde corporativa estava bem encaminhada

Publicidade ambiental: uma questão de integridadeNotícias de ciência, 27 de novembro de 1971

Um novo relatório publicado pelo Council on Economic Priorities descreve claramente os fatos que mostram que grande parte da publicidade corporativa sobre temas ambientais é irrelevante ou mesmo enganosa … Uma grande porcentagem da publicidade ambiental vem de empresas que são os piores poluidores.

Atualizar

Preocupações com “greenwashing”, um termo cunhado na década de 1980 para descrever a prática de organizações que comercializam seus produtos como ambientalmente amigáveis ​​quando não são, persistiram na atual crise climática. À medida que mais consumidores se tornam ambientalmente conscientes, as empresas táticas de lavagem verde evoluíram. Por exemplo, algumas empresas de energia nos Estados Unidos alegaram que o gás natural é uma fonte de energia “limpa” porque as usinas de energia emitem menos dióxido de carbono do que as usinas de carvão. Mas as usinas de gás natural podem emitir grandes quantidades de metano, um potente gás de efeito estufa. Em 2022, a Comissão Federal de Comércio dos EUA planeja revisar seu “Guias Verdes, ”Regras para empresas que fazem reivindicações ambientais.


Source: Science News by www.sciencenews.org.

*The article has been translated based on the content of Science News by www.sciencenews.org. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!