A exposição prolongada à poluição do ar aumenta o risco de desenvolver doenças autoimunes

Autoimunes são aquelas doenças causadas por uma resposta excessiva ou incorreta do sistema imunológico contra o próprio corpo e incluem mais de 80 distúrbios, que podem afetar praticamente qualquer parte do corpo.

Embora sejam a terceira categoria mais comum de doenças depois do câncer e das doenças cardíacas, suas causas ainda não são compreendidas. O que se suspeita é que fatores ambientais aumentam o risco de desenvolver doenças autoimunes, quando fatores genéticos também coexistem.

Na busca das causas que causam doenças autoimunes, pesquisadores liderados pelo Dr. Giovanni Adami do Departamento de Medicina da Universidade de Verona, que fez a relevante publicação na revista médica “RMD Open”, analisaram os dados de 81.363 pessoas, dos quais 92% eram mulheres, com idade média de 65 anos, e 9.723 deles, ou seja, 12%, haviam sido diagnosticados com doença autoimune entre 2016 e 2020.

Trabalhando com 617 estações meteorológicas na Itália, os pesquisadores examinaram a relação entre a qualidade do ar e a probabilidade de doenças autoimunes.

Pesquisas descobriram que a exposição a longo prazo à poluição do ar aumenta o risco de doenças autoimunes, particularmente artrite reumatóide e doença inflamatória intestinal.

Especificamente, os cientistas descobriram que o aumento do risco de doença autoimune estava associado ao aumento dos níveis de material particulado (PM10) da seguinte forma:

Para cada 10 microgramas por metro cúbico de ar (μg/m3) de aumento de material particulado, o risco de doença autoimune aumenta em 7%.

A exposição prolongada a níveis de partículas PM10 (menos de 10 milionésimos de metro de diâmetro) maiores que 30 µg/m3 e partículas PM2,5 (menos de 2,5 milionésimos de metro de diâmetro) maiores que 20 µg/m3 foi associada com um aumento de 12% e 13%, respectivamente, no risco de doença autoimune.

Os resultados acima se aplicam principalmente à artrite reumatóide, doenças do tecido conjuntivo, como osteoartrite e doenças inflamatórias do intestino, como colite ulcerativa.

A exposição a longo prazo a poluentes do ar de veículos e indústrias foi associada a um aumento de 40% na artrite reumatóide, um aumento de 20% na doença inflamatória intestinal e um aumento de 15% nas doenças autoimunes do tecido conjuntivo.


Source: Εναλλακτική Δράση by enallaktikidrasi.com.

*The article has been translated based on the content of Εναλλακτική Δράση by enallaktikidrasi.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!