a nova criatura da edição limitada de Maranello

Apresentada no circuito de Mugello, em Scarperia e San Piero (Florença), a nova Ferrari Daytona SP3 nasceu com o objetivo de homenagear os protótipos esportivos da Ferrari. Isso contribuiu para tornar a marca do cavalo uma parte legítima da lenda das modalidades do automobilismo. A edição limitada do carro se junta ao segmento ‘Ícone’, que já inclui a Ferrari Monza SP1 e SP2.

Seu design é baseado na justaposição harmoniosa de contrastes: superfícies plásticas e sensuais se alternam com linhas arrojadas que relembram a entrada preponderante da aerodinâmica no design dos carros de corrida da época, como o 330 P4, o 350 Can-Am e o 512 S. Também do mundo dos protótipos esportivos, surge a forte escolha de equipar o Daytona SP3 com um tipo de carroçaria com capota rígida amovível: o automóvel proporciona assim ao condutor emoções únicas e ao mesmo tempo garante uma grande usabilidade.

O Daytona SP3 é muito cobiçado por estrelas, incluindo Elton John, do ponto de vista técnico. é inspirado no refinamento das soluções de engenharia já adotado em 1960 carros de corrida. O carro é equipado com motor V12 de aspiração natural na posição central-traseira, arquitetura típica de carros de corrida. Esta versão do motor térmico mais icônico da empresa Maranello conta com 840 cv de potência (tornando-se o mais potente até agora produzido pela Ferrari), 697 Nm de torque e uma velocidade máxima de 9.500 rpm.

A Ferrari Daytona SP3 será construída em 599 unidades

O chassi é feito de materiais compostos usando tecnologias de Fórmula 1 que faltavam nas Ferraris de estrada desde “LaFerrari”, o mais recente supercarro do Cavalo Empinado. O assento integrado ao chassi reduz o peso do carro e coloca o motorista em uma posição de direção semelhante à de um carro de corrida. Por último, à semelhança dos carros de inspiração, o estudo aerodinâmico e estilístico foi orientado para a máxima eficiência através da utilização exclusiva de soluções passivas. Novos componentes, como as chaminés de extração na parte inferior, tornam o Daytona SP3 a Ferrari mais aerodinamicamente eficiente sem apêndices ativos produzidos até hoje. A integração habilidosa dessas inovações técnicas permite que o Daytona SP3 acelere de 0 a 200 km / h em 7,4 se de 0 a 100 em apenas 2,85 s: desempenho estimulante, que combinado com a configuração extrema e o som inebriante da transferência V12s emoções incomparáveis ​​para o motorista.

Fabricado em apenas 599 unidades, o Daytona SP3 estará disponível a partir do final de 2022 por um valor que ronda os 2 milhões de euros, com intervenções de manutenção incluídas durante sete anos.


Source: Virgilio Motori by motori.virgilio.it.

*The article has been translated based on the content of Virgilio Motori by motori.virgilio.it. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!