A polícia do Congresso dos EUA processa Trump … “Causando dor física e mental”


O ex-presidente Donald Trump foi processado por um policial local em conexão com a primeira “intrusão no Congresso” na história dos Estados Unidos.

De acordo com a CNN e o The Washington Post (WP) no dia 7 (hora local), a policial congressista norte-americana Brianna Kirkland abriu um processo contra o ex-presidente Trump no Tribunal de Washington DC no dia 6, um ano após a intrusão.

Segundo relatos, ele alegou que Trump causou dor mental e física, incluindo uma concussão, em conexão com a intrusão do Congresso. Também estipulou que o ex-presidente Trump desempenhou um papel central em ‘incitar a rebelião de 6 de janeiro’.

Kirkland reclamou na denúncia que teve que lidar com 450 pessoas sozinhas com apenas um bastão enquanto defendia o Congresso dos manifestantes pró-Trump.

Durante a intrusão, argumentou ele, Trump fez pouco esforço para acalmar a situação. Além disso, ele apontou que as palavras e ações provocativas do ex-presidente Trump causaram o incidente em 6 de janeiro.

O diretor também descreveu Trump como um “líder de uma multidão violenta”, observando que ele estava em uma posição de exercer uma profunda influência sobre os apoiadores que atacaram e espancaram Kirkland. Com efeito, ele ordenou ataques e violência contra o Congresso.

Kirkland teria exigido US $ 75.000 em indenização do ex-presidente Trump por meio do processo. Os advogados de Kirkland descreveram a intrusão como “uma rebelião instigada por um ex-presidente para impedir uma transferência pacífica do poder”.

A invasão de 6 de janeiro do ano passado foi um incidente no qual ex-apoiadores de Trump invadiram o Congresso para evitar que Biden ganhasse a presidência. Naquela época, um total de cinco pessoas, incluindo um policial, foram mortas no incidente, e os policiais fizeram escolhas extremas depois disso.

O ex-presidente Trump enfrentou uma segunda acusação de impeachment no final de seu mandato. O Departamento de Justiça dos EUA prendeu e indiciou mais de 700 pessoas envolvidas no incidente, e mais de 300 delas foram acusadas de crimes, incluindo agressão a um policial.

Em seu discurso à nação no primeiro aniversário da intrusão, o presidente Biden agrediu o ex-presidente Trump, dizendo: “Reuni uma multidão e me sentei na sala de jantar dedicada ao Salão Oval da Casa Branca assistindo TV por horas e horas fazendo nenhuma coisa.”

Por outro lado, o ex-presidente Trump emitiu um comunicado no mesmo dia, argumentando que Biden estava “usando meu nome para dividir ainda mais a América” ​​e “uma jogada política destinada a desviar a atenção do fato de que falhou completa e completamente. “

[워싱턴=뉴시스]


Source: 동아닷컴 : 동아일보 전체 뉴스 by www.donga.com.

*The article has been translated based on the content of 동아닷컴 : 동아일보 전체 뉴스 by www.donga.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!