A Terra poderia ter anéis como Saturno, mas feita de lixo

A conquista do espaço desencadeia os sonhos da humanidade … e sua poluição. Desperdício de espaço estão se acumulando e é improvável que seus números diminuam à medida que empresas e governos lançam novos programas. Satélites, navios, sondas, viagens turísticas estão na origem dos pedaços de lixo que giram em torno da Terra. Jake Abbott, professor de engenharia mecânica da Universidade de Utah, fez uma previsão surpreendente.

“A Terra está prestes a ter seus próprios anéis. Eles serão feitos de lixo ”, ele disse em uma entrevista au Salt Lake Tribune. Segundo ele, a Terra será, portanto, semelhante ao planeta Saturno. Diferença notável: os anéis deste são feitos de rochas e detritos de asteróides.

Espaço, a lata de lixo de amanhã?

De acordo com a Agência Espacial Europeia, cerca de 170 milhões de detritos espaciais com mais de um milímetro de diâmetro estão em órbita. Além disso, há 670 mil resíduos com menos de três centímetros. À medida que empresas privadas como a SpaceX lançam seus próprios satélites, a órbita do nosso planeta está mais ameaçada do que nunca.

Relatórios de futurismo que a Terra enfrenta o risco crescente de um aumento nas colisões, o que poderia criar ainda mais detritos espaciais feitos pelo homem do que existe atualmente. Jake Abbott tem uma solução para esse problema: bastaria usar um braço robótico no final do qual giraria um ímã. Isso criaria correntes elétricas chamadas de “vórtices” para controlar os detritos e reduzir sua velocidade, explica um artigo publicado na revista Nature.

Inscreva-se no boletim informativo do Slate

Para montar este braço supermagnético, é tudo sobre “Engenharia”, garante Jake Abbott. Resta construí-lo e lançá-lo.


Source: Slate.fr by www.slate.fr.

*The article has been translated based on the content of Slate.fr by www.slate.fr. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!