Acres orgânicos certificados caíram em 2022


WASHINGTON – Embora o número total de hectares dos EUA dedicados à produção orgânica tenha diminuído ano a ano, houve um ligeiro aumento nos hectares plantados com culturas orgânicas em 2022, incluindo uma área de soja muito maior, de acordo com um relatório recente da Mercaris, um serviço de dados de mercado e plataforma de negociação on-line para commodities agrícolas certificadas orgânicas e não transgênicas.

Os dados da Mercaris compilados por sua ferramenta proprietária Acreage Analyzer, lançada em 21 de setembro, mostraram que o uso orgânico do solo certificado pelo USDA deveria cair para aproximadamente 8,7 milhões de acres em quase 20.000 fazendas em 2022, uma queda de 4,4% em relação aos 9,1 milhões de acres utilizados para produção orgânica nos Estados Unidos Unidos em 2021. A Mercaris disse que a redução foi resultado de um declínio nas pastagens e pastagens orgânicas certificadas, observando que as terras dedicadas a plantações orgânicas estão crescendo.

“Espera-se que a terra utilizada para a produção de culturas orgânicas aumente 3% a partir de 2021, totalizando quase 3,8 milhões de acres colhidos até 2022”, disse Ryan Koory, vice-presidente de economia da Mercaris.

Nem todas as culturas orgânicas mostraram um aumento de hectares para 2022. Esperava-se que os hectares de trigo orgânico certificados diminuíssem 1%, enquanto uma redução de 2% era esperada para os hectares de milho orgânico certificado, de acordo com a Mercaris.

“O declínio que esperamos em acres colhidos de trigo e milho orgânico é atribuído a uma combinação de condições desafiadoras de cultivo e preços elevados da soja orgânica”, disse Koory. “No entanto, espera-se que os acres colhidos de oleaginosas orgânicas aumentem 16% ano a ano, com os acres colhidos de soja orgânica que devem aumentar impressionantes 18% ano a ano.”

Os dados da Mercaris seguem um anúncio no final de agosto do Departamento de Agricultura dos EUA queinvestirá US$ 300 milhões na Iniciativa de Transição Orgânicaum programa que oferecerá assistência aos produtores na transição de suas operações para obter a certificação orgânica do USDA. Desde 2008, houve uma diminuição de 71% no número de fazendas em transição ativa para a produção orgânica, de acordo com o USDA. Parte da queda pode ser resultado do processo de certificação orgânica, um período de três anos em que os agricultores devem evitar o uso de insumos específicos proibidos.

Source: Food Business News by www.foodbusinessnews.net.

*The article has been translated based on the content of Food Business News by www.foodbusinessnews.net. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!