AMD Ryzen 7000 será lançado no mercado em 15 de setembro de 2022

AMD já foi confirmado durante uma apresentação na China las fechamento de lançamento de sus futuros processadores Ryzen 7000 e as primeiras placas base com o soquete AM5, o cual substituiu o veterano e mui reutilizado AM4.

Durante uma apresentação de apresentação interna se pudieron ver umas diapositivas que mostram uma data concreta, 15 de setembro, que en teoría seria lanzamiento dos processadores Ryzen 7000, baseado na arquitetura Zen 4, e das primeiras placas base com el socket AM5. Confirme isso, a empresa cumpliría com o visor no Computex 2022, quando a tecnologia for mais tarde vería a luz no otoño de 2022.

Nenhuma queda clara é realmente exibida em uma diapositiva apresentação interna de la compañía, ya que outros usuarios han señalado que la imagen filtrado por el usuario do Twitter @wxnod podría corresponder a uma tienda oficial da AMD na China. Por agora não podemos confirmar se em 15 de setembro é o fechamento do lançamento real de Ryzen 7000 y AM5, antes de ver o projeto da diapositiva, que tem um formato bastante comercial, uma pessoa pode pensar que sim. Eso sim, en el aire quedan los ámbitos geográficos.

Ryzen 7000 será a resposta da AMD para Intel Alder Lake. Frente às linhas anteriores de processadores de la misma compañía, destacará por introduzir o gráfico integrado como uma característica estándar, cuando antes aquello estaba reservado a las APU. De esta maneira AMD se aproxima de um pouco mais para o que tem Intel, de que seus modelos sem iGPU são mais bem-sucedidos de processadores cuya integrada tem uma saída defeituosa e não funciona, mas não quer dizer que o resto não funciona com a perfeição.

Diapositiva en la que se puede ver la posible fecha de lanzamiento de AMD Ryzen 7000

Outras características dos futuros Ryzen son que serão os primeros processadores x86 de consumo construídos com processo de fabricação de 5nm de TSMCo suporte para DirectStorage da Microsoft com a nova tecnologia AMD Smart Access Storage y memórias solo soportarán RAM DDR5. Seus chipsets, ou pelo menos os primeiros compatíveis, serão AMD X670 Extreme (X670E), AMD X670 e AMD B650.

Tudo indica que AMD pode manter-se firme em seu apuesta por DDR5 debido a que os precios de dichas memorias estão em cayendo. Gravamos que Intel tuvo que é regular em seu momento com Alder Lake para permitir o uso de DDR4, você que entonces a memória DDR5 era tan cara que os processadores se le iban a quedar nas estanterías.


Source: MuyComputer by www.muycomputer.com.

*The article has been translated based on the content of MuyComputer by www.muycomputer.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!