Cidadãos moldavos presos em Bar, mais de 100 cartões bancários, telefones celulares, carros apreendidos …

Aproximadamente 3.000 euros apreendidos, Foto: Direção de Polícia

Os cidadãos moldavos Maksim Lakubovski (35) e Ekatarina Lakubovski (33) foram detidos em Bar sob suspeita de fazerem parte de um grupo criminoso internacional que fazia a lavagem de dinheiro.

A polícia encontrou e confiscou mais de 100 cartões bancários, dezenas de cartões SIM, nove telemóveis, dois veículos de luxo no valor de cerca de 100.000 euros, cerca de 3.000 euros em dinheiro, três portáteis …

A Administração da Polícia anunciou que uma extensa operação policial realizou um caso internacional com o codinome “MIG”, que foi coordenado pela Promotoria Especial do Estado.

Os trabalhos no caso começaram em julho de 2020, em cooperação com a Polícia e o Gabinete do Procurador Especial da República da Moldávia, Centro SELEC em Bucareste e com o apoio do Programa de Assistência da UE IPA2019 Balcãs Ocidentais. assinou um acordo sobre uma equipe de investigação conjunta com outro estado. O acordo foi assinado entre a Procuradoria Suprema de Montenegro e a Procuradoria Suprema da Moldávia, e os membros da equipe atuavam como procuradores especiais e policiais do Setor do Crime de Montenegro e do Setor do Crime Organizado da Moldávia. “, lê o comunicado.

Prisão de moldavos
foto: Administração da Polícia

O anúncio confirmou as informações de Vijesti de que na manhã de ontem, em Bar, a polícia vasculhou vários locais.

Foi explicado que as ações policiais foram realizadas em sincronia na capital da Moldávia, Chisinau, e no território de Bar.

Prisão de moldavos
foto: Administração da Polícia

“Foi realizada uma busca em 15 locais, em dois países ao mesmo tempo, das quais quatro buscas em Montenegro … Na Moldávia, quatro pessoas suspeitas de pertencerem a um grupo criminoso organizado, que no período de 2018 praticavam contrabando e distribuição de vários tipos de drogas sintéticas no território de Chisinau e além “.

Segundo o comunicado, a investigação criminal indica que o MI é o organizador desse grupo criminoso, pelo qual foram recolhidas provas que apontam para a suspeita de que contrabandeava e distribuía entorpecentes no valor de um milhão e meio de euros.

Prisão de moldavos
foto: Administração da Polícia

“Durante as buscas de hoje na Moldávia, cerca de três quilos de comprimidos foram encontrados e confiscados da lista de opiáceos – Alpha PVP. E oficiais do Setor de Inteligência Financeira, bem como oficiais do Centro de Segurança Bar, MI e EI serão levados para o procurador competente da Procuradoria Especial do Estado com um relatório criminal. um exemplo de excelente cooperação internacional da Direção de Polícia com os serviços de parceiros internacionais, bem como excelente cooperação da Procuradoria Especial do Estado com as procuradorias de outros países “, disse o UP.


Source: Vijesti by www.vijesti.me.

*The article has been translated based on the content of Vijesti by www.vijesti.me. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!