Em São Petersburgo, várias dezenas de pessoas encenaram um flash mob em defesa do mural que retrata Daniil Kharms

ESTA MENSAGEM (MATERIAL) É CRIADA E (OU) DISTRIBUÍDA POR UMA MÍDIA DE MASSA ESTRANGEIRA QUE EXECUTA AS FUNÇÕES DE UM AGENTE ESTRANGEIRO E (OU) UM OFICIAL JURÍDICO RUSSO E UM OFICIAL FUNCIONAL.

Cerca de três dezenas de pessoas, incluindo guias, se reuniram na esquina da Kovensky Lane e Mayakovsky Street – em frente à casa onde Daniil Kharms morava e onde cinco anos atrás os artistas de rua Pasha Kas e Pavel Mokich criaram um mural retratando o rosto do escritor, o correspondente de Rosbalt relatórios. “. Este é o segundo flash mob organizado pelos defensores do mural.

“O graffiti é inusitado, tornou-se um marco da cidade e é preciso conhecer as pessoas que se apaixonaram por essa imagem, para preservá-la”, disse Maria Kanovskaya, funcionária da biblioteca e guia de um dos prédios históricos de São Petersburgo – a casa Bazhanov em Marata, 72.

Os participantes do flash mob se revezaram na leitura dos poemas e citações de Daniil Kharms impressos em pedaços de papel com a imagem do mural. Por exemplo, este aqui: “Na hora de comprar um pássaro, veja se ele tem dentes. Se houver dentes, não é um pássaro. “

© Foto IA “Rosbalt”, Galina Artemenko

Um dos organizadores do flash mob é Daniil Petrov, residente não só da casa onde Kharms morava, mas também de parte do apartamento do escritor. Petrov é neto do famoso crítico de arte Vsevolod Petrov, que conhecia bem Daniil Kharms e apreciava muito seu trabalho. Segundo Petrov, agora aqueles que desejam preservar o mural continuarão a chamar atenção para a imagem com flash mobs, mas também esperam encontrar uma linguagem comum com o artista-chefe e arquiteto-chefe da cidade.

© Foto IA “Rosbalt”, Galina Artemenko

Lembramos que o retrato de Daniil Kharms, que apareceu na casa número 11 da rua. Mayakovsky em 2016, tornou-se objeto de um processo judicial. O governador anterior da cidade, Georgy Poltavchenko, diretor do Hermitage Mikhail Piotrovsky, o Sindicato dos Escritores de São Petersburgo e muitas outras organizações e moradores da cidade falaram em apoio à preservação da imagem. Enquanto isso, na primavera, o governo do Distrito Central abriu um processo contra a administradora para pintar o grafite e ganhou o caso em outubro.


Source: Росбалт by www.rosbalt.ru.

*The article has been translated based on the content of Росбалт by www.rosbalt.ru. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!