Em sua fundição islandesa, Norðurál aposta na captura de CO2 para descarbonizar seu alumínio

Pilotado remotamente por um operador de macacão vermelho, o gigantesco cadinho, suspenso por uma grua móvel, avança com um movimento de balanço. Como um gigantesco inseto de metal, ele insere seu tronco proeminente no tanque à sua frente. Com alguns gestos precisos, o operário dos comandos aciona a sucção do alumínio fundido e, em seguida, retira o baú, ainda brilhante de metal. Ele direciona o tanque para outra fundição, entre as centenas que alinham o edifício D de 1,2 quilômetro de comprimento da fundição de alumínio Norðurál. Um gigantesco complexo industrial, cujas paredes azuis se estendem em frente ao Hvalfjörður, ou fiorde das baleias, algumas dezenas de quilômetros ao norte da capital islandesa Reykjavik.

[…]

Este artigo é reservado para nossos assinantes

Apoie o jornalismo especializado.

Já inscrevi? Conecte-se

Selecionado para voce


Source: UsineNouvelle – Actualités A la une by www.usinenouvelle.com.

*The article has been translated based on the content of UsineNouvelle – Actualités A la une by www.usinenouvelle.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!