Há hiperatividade e distúrbios do ouvido interno relacionados?

Foto: gettyimages.com

Problemas no ouvido interno podem levar à hiperatividade, mostrou um estudo americano.

Experimentos em ratos sugerem que problemas de ouvido interno causam alterações no cérebro que podem levar à hiperatividade – cita um estudo americano publicado na revista científica Science do BBC News Service. Segundo os pesquisadores, novos tratamentos para distúrbios comportamentais podem ser desenvolvidos a partir da descoberta.

Distúrbios comportamentais de origem cerebral

Os cientistas presumem que transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e outros problemas comportamentais são de origem cerebral. No entanto, tem sido observado que crianças e adolescentes com diagnóstico de distúrbio do ouvido interno, principalmente aqueles em que a lesão também afeta a audição e o equilíbrio, muitas vezes também apresentam distúrbios comportamentais. No entanto, nenhuma relação causal foi encontrada.

Funciona em ratos

Uma equipe de pesquisa da Escola de Medicina Albert Einstein da Universidade Yeshiva em Nova York notou que alguns camundongos do laboratório eram particularmente ativos, perseguindo o rabo implacavelmente. Eles descobriram que eram completamente surdos e que seus ouvidos internos também apresentavam uma anormalidade, portanto, também apresentavam desequilíbrios.

Os cientistas descobriram uma mutação em um gene chamado Slc12a2 em ratos hiperativos, que também é encontrado em humanos. Quando a função do gene foi bloqueada em ratos saudáveis, os roedores tornaram-se cada vez mais ativos. Então os pesquisadores examinou a área do cérebro que é responsável por controlar os movimentos. Aqui, níveis mais elevados do que o normal de duas proteínas (pERK e pCREB) foram medidos.

Camundongos com o gene defeituoso receberam uma injeção de haloperidol para tratar o movimento forçado, chamado carrapato. Verificou-se que isto reduz os níveis das referidas proteínas e a hiperatividade dos ratos também é atenuada.

Os pesquisadores dizem que o mesmo método poderia ser desenvolvido para humanos e uma droga poderia ser desenvolvida para ajudar a tratar crianças hiperativas com problemas de ouvido interno.


Source: Patika Magazin Online by www.patikamagazin.hu.

*The article has been translated based on the content of Patika Magazin Online by www.patikamagazin.hu. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!