Índia extraditou Rússia acusada de cometer um crime há 10 anos

A pedido da Procuradoria-Geral da Rússia, as autoridades competentes da Índia extraditaram para a Rússia Pyotr Shalaginov, acusado de porte ilegal de entorpecentes sem finalidade. Isto foi relatado pela assessoria de imprensa da State Enterprise.

De acordo com os materiais do processo penal, em novembro de 2011, Shalaginov adquiriu uma droga em grande escala sem o propósito de vendê-la e a manteve ilegalmente em seu local de residência atual em Moscou.

Como o homem fugiu das agências de aplicação da lei, ele foi colocado na lista internacional de procurados.

Em junho de 2018, em conexão com a detenção de Shalaginov na Índia, o Gabinete do Procurador-Geral da Rússia enviou um pedido de extradição a colegas estrangeiros, que foi concedido.

Ele será levado a Moscou, acompanhado pela equipe do comboio especial, informou o departamento.

Anteriormente, foi relatado que o ex-ministro da Política de Informação e Comunicações de Massa do Daguestão, Nariman Hajiyev, foi extraditado da Eslovênia para a Rússia.

Filmagens da cena dos principais acontecimentos do dia em nosso você tubo

Source: RT на русском by russian.rt.com.

*The article has been translated based on the content of RT на русском by russian.rt.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!