Loire. A fusão entre o instituto do câncer e o hospital “esperou muito” pelo diretor do ARS


Por que a ARS Auvergne Rhône-Alpes solicitou, no final de 2019, “uma missão de controle” no ICLN?

“Foi uma missão do IGASE (Inspecção-Geral dos Assuntos Sociais). Na época, éramos constantemente solicitados em dois assuntos principais: distensões internas, problemas de governança, conflitos internos que não acalmavam o exercício. Também recebemos alertas da Autoridade de Segurança Nuclear sobre a realização de determinadas ações que nos levaram a suspender, uma vez, uma atividade de radioterapia específica para o crânio. Havia também uma governança fragmentada, para dizer o mínimo. Tivemos que olhar para o seu funcionamento. “

Este relatório IGASE …

Source: Le Progrès : info et actu nationale et régionale – Rhône, Loire, Ain, Haute-Loire et Jura | Le Progrès by www.leprogres.fr.

*The article has been translated based on the content of Le Progrès : info et actu nationale et régionale – Rhône, Loire, Ain, Haute-Loire et Jura | Le Progrès by www.leprogres.fr. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!