Lojistas alemães estão apavorados: ninguém quer comprar por causa dos fechamentos


De acordo com uma pesquisa recente com varejistas, os efeitos da epidemia já são visíveis: na última semana, as vendas de não alimentos caíram 26% abaixo dos níveis pré-epidêmicos de 2019. De acordo com um artigo da Reuters, as lojas de roupas, em particular, estão com problemas, com uma queda de 35% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado, antes da epidemia. O faturamento dos bairros comerciais tradicionais das cidades alemãs mostra dados semelhantes, neste indicador a defasagem é de mais de 40 por cento em relação à epidemia.

As autoridades alemãs anunciaram na quinta-feira que pessoas não vacinadas só poderão entrar nos depósitos de alimentos vitais no futuro, e tornariam a vacinação obrigatória a partir de fevereiro. De acordo com a associação de varejo, isso está causando sérios danos às empresas, que pedem mais apoio do governo para cobrir perdas.

Os traders colocaram toda a sua confiança na temporada de Natal, mas agora eles têm que enfrentar a deterioração das perspectivas novamente, disse o chefe da organização.

Imagem da capa: Getty Images


Source: Portfolio.hu – Üzlet by www.portfolio.hu.

*The article has been translated based on the content of Portfolio.hu – Üzlet by www.portfolio.hu. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!