Nova loteria de vacinas: a Tasmânia distribuirá produtos da Apple para adolescentes e planeja se desintegrar

O primeiro-ministro da Tasmânia apresentou uma nova loteria de vacinas em uma entrevista coletiva. Qualquer adolescente que receber a primeira ou a segunda dose da vacina cobiçada poderá competir por um iPad, iPhone e relógio inteligente. O governo na campanha de vacinação, o que foi apontado pelo servidor Correio diário, compra cinquenta produtos da Apple.

Os candidatos terão cinco dias na Tasmânia, Austrália, para serem vacinados com qualquer uma das vacinas aprovadas e reconhecidas. Segundo o primeiro-ministro Peter Gutwein, o evento terá início no sábado. “Se você tiver entre 12 e 18 anos e receber a primeira ou a segunda dose da vacina até 24 de novembro, você participará de um sorteio para o iPad e iPhone ou o Apple Watch, “ Especificadas.

O governo local decidiu dar o passo depois que o interesse na vacina começou a diminuir lentamente. “Tivemos alguns debates sobre o que podemos fazer para aumentar o número de vacinados novamente.” Gutwein explicou. Durante entrevista coletiva, ele alertou que, se os juros não aumentarem nos próximos dias, o país dificilmente alcançará sua meta pré-estabelecida.

Abrindo fronteiras e desmontando para regulares

Os representantes do estado querem poder dar as duas doses a 90 por cento de todas as pessoas com mais de 12 anos até 15 de dezembro, quando abrirão as fronteiras a todos os turistas com as vacinas completas. “Não quero olhar para trás em 16 de dezembro e dizer a mim mesmo: ‘Oh sim, eu gostaria de fazer um pouco mais,’ “ Gutwein afirmou.

O país exigirá que os turistas façam um teste negativo, que não deve ter mais de 72 horas. Eles evitam esta regra apenas pessoas que viajam de países com risco mínimo de infecção. O governo quer relaxar algumas medidas preventivas já em seis de dezembro, por exemplo, em relação a dançar e beber álcool em bares.

No país, 84 por cento das pessoas com mais de 16 anos completaram a vacinação, 92 por cento experimentaram pelo menos uma dose. No entanto, o grupo com idades entre 12 e 15 anos não mostra um grande interesse em vacinações – apenas metade deles está totalmente vacinada, 68 por cento receberam pelo menos uma dose.


Source: Blesk.cz by www.blesk.cz.

*The article has been translated based on the content of Blesk.cz by www.blesk.cz. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!