O ex-presidente Park Geun-hye foi libertado no dia 31 … manifestação de boas-vindas aos apoiadores

Apoiadores torcendo pelo perdão do ex-presidente Park Geun-hye (Seul = Yonhap News) Repórter Kim Do-hoon = Apoiadores do ex-presidente Park Geun-hye torcem em frente ao Hospital Samsung de Seul em Ilwon-dong, Gangnam-gu, Seul no madrugada do dia 31, quando o ex-presidente Park Geun-hye foi solto com um perdão especial. 2021.12.31 [공동취재] [email protected]/2021-12-31 00: 35: 57 /

O ex-presidente Park Geun-hye, que foi incluído na anistia especial de Ano Novo depois de cumprir 22 anos de prisão pelo caso National Nongdan, foi libertado no dia 31. Já se passaram 4 anos e 9 meses desde a prisão.

A partir da meia-noite do dia 30, quando a anistia entrou em vigor, o Ministério da Justiça conduziu o procedimento de anistia no Hospital Samsung Seoul em Gangnam-gu, Seul, onde o ex-presidente Park está atualmente hospitalizado.

O Ministério da Justiça concedeu indulto ao ex-presidente Park na tarde do mesmo dia, e o procedimento foi concluído já que os guardas residentes no hospital se retiraram às 00h00 do dia 31, data em que a anistia entrou em vigor. O ex-presidente Park, cuja doença crônica piorou enquanto estava preso no Centro de Detenção de Seul, foi internado no hospital no dia 22 do mês passado e recebeu tratamento.

Perto do hospital, por volta das 22h do dia anterior, apoiadores como o Partido Republicano e a sede do Movimento Popular Revolucionário de Taegeukgi realizaram uma manifestação de boas-vindas à anistia. A saúde de Park piorou enquanto estava preso no Centro de Detenção de Seul, e dizem que ele ficará hospitalizado pelo menos até o início de fevereiro do próximo ano. Quando fui hospitalizado no mês passado, esperava-se que o tratamento fosse necessário por cerca de quatro semanas, mas a doença piorou, e a equipe médica disse que a hospitalização adicional seria necessária no início de fevereiro do próximo ano.

Em janeiro, o ex-presidente Park foi condenado a 20 anos de prisão, uma multa de 18 bilhões de ganhos e uma multa de 3,5 bilhões de ganhos na Suprema Corte por acusações como proibição do governo estadual e pagamento de despesas com atividades especiais pelo Serviço Nacional de Inteligência . Em novembro de 2018, foram confirmados dois anos de prisão por intervenção ilegal na nomeação do Partido Saenuri (atual Poder Popular), e ele teve de cumprir um total de 22 anos. Com a decisão da Suprema Corte em janeiro, o ex-presidente Park cumpriu os requisitos para um perdão especial, e com esse perdão, os 17 anos e 3 meses restantes de sua sentença foram isentos.

[ⓒ 세계일보 & Segye.com, 무단전재 및 재배포 금지]


Source: 세계일보 by www.segye.com.

*The article has been translated based on the content of 세계일보 by www.segye.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!