O falso Ph.D da funcionária do banco Daisy

Maruf Sarkar, Daca ::

Desta vez, alegações de falso PAD foram feitas contra o chefe do departamento de recursos humanos do South East Bank. A diretora chamada Daisy Nilufar Sharmin ingressou no banco em dezembro de 2020 como chefe de recursos humanos.

Recentemente, depois que uma denúncia foi recebida por uma organização de direitos humanos chamada Law and Human Rights Protection Foundation, a discussão sobre o assunto começou.

A carreira de Daisy começou em 2007 com um estágio no Standard Chartered Bank. De outubro de 2009 a junho de 2015, trabalhou como gerente associado na agência de PMEs do Eastern Bank. Em seguida, ingressou no One Bank. Antes de ingressar na South East, Daisy trabalhou na ala de treinamento de lá. Embora tenha servido pela última vez como Oficial Principal Sênior, ele foi promovido diretamente ao Sudeste como Vice-Presidente de Assistência Sênior (SAVP) por uma força invisível. Segundo fontes confiáveis, sua adesão teve a bênção do ex-conselheiro do Sudeste Zakir Ahmed Khan, que foi demitido devido à corrupção.

Há uma alegação de que ele tenha conseguido o cargo de chefe do departamento devido ao seu relacionamento especial com um alto funcionário do banco, apesar de não ter experiência de trabalho no departamento de recursos humanos em sua carreira bancária.
Afinal, a conversa sobre seu diploma PAD começou no bairro do banco.

Em seu perfil, ele menciona que obteve um diploma PAD em Gestão da Diversidade e Programa de Ação Afirmativa entre 2011 e 2015. Embora tenha obtido bacharelado e mestrado pela Faculdade de Comércio da Universidade de Dhaka, ele fez este PAD sob o departamento de gerenciamento de sinistros, mas não pôde apresentar nenhum argumento em sua defesa. Depois de entrar em contato sobre isso, Daisy disse que eles vão conversar cara a cara.

No entanto, uma pesquisa de software on-line encontrou cerca de 85% de correspondências exatas com a pesquisa de outra pessoa sobre o mesmo tópico, provando sua propensão ao plágio. Essa fraude de um funcionário com diploma falso em um banco de primeira linha precisa ser trazida à tona. Por isso, dentro desta semana, o assessor da Fundação Lei e Proteção dos Direitos Humanos. Sufi Sagar Shams informou sobre a decisão de apresentar uma queixa aos departamentos envolvidos contestando o falso diploma PAD de Daisy Nilufar Sharmin.

Quando contatado a esse respeito, o diretor administrativo (MD) do South East Bank, M. Kamal Hossain, disse que fiquei sabendo disso por meio de jornalistas. A ação apropriada será tomada se a evidência de sua fraude for encontrada por meio de investigação.

Amigável para impressão, PDF e e-mail

Source: Unitednews24.com by www.unitednews24.com.

*The article has been translated based on the content of Unitednews24.com by www.unitednews24.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!