O Ministério das Finanças quer obrigar todos os residentes do país a partir de 2023 a reportar sobre os seus rendimentos

Foto: foto de imprensa

A partir de 2023, eles querem impor uma obrigação a todos os residentes do país de declarar o valor da renda do ano anterior, a fim de combater a economia subterrânea e “salários em envelopes”, informou o Ministério das Finanças da Letônia.

Na semana passada, o Conselho de Combate à Economia Paralela instruiu o Ministério das Finanças a preparar um projeto de regulamento para obrigar todos os residentes da Letônia a declarar renda a partir de 2023. Este ano será necessário declarar o valor da renda para 2022 e assim por diante a cada ano subsequente.

O Ministério das Finanças, por sua vez, informou sobre o anteprojecto de Plano de redução da economia subterrânea para 2021-2022 elaborado, cuja prioridade era o combate ao pagamento de “salários em envelope”.

Para combater esses salários e fontes de origem ilegal de dinheiro, representantes de vários setores identificaram as circunstâncias e os fatores que contribuíram para o surgimento de dinheiro não registrado. A economia paralela distorce o mercado, atrapalha os investimentos e o desenvolvimento da sociedade como um todo, garantem os membros do Conselho de Combate à Economia Paralela.

Como resultado, decidiu-se aprovar cinco direções de ação para reduzir as fontes da economia subterrânea e do controle:

– atividade econômica não registrada,
– emprego não declarado e salários não registrados,
– transações não contabilizadas,
– movimento ilegal de mercadorias,
– movimentação não contabilizada e não controlada de fundos.

O Conselho instruiu os ministros setoriais no prazo de um mês, em cooperação com os setores da economia, para identificar os fatores de risco e apresentar propostas para complementar o plano de redução da economia subterrânea.

O Ministério das Finanças também deve preparar e apresentar ao Gabinete de Ministros um projeto de lei separado que estabelecerá a obrigação de todos os residentes declararem rendimentos (a partir de 2023 e em cada ano subsequente).


Source: nasha.lv RSS by nasha.lv.

*The article has been translated based on the content of nasha.lv RSS by nasha.lv. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!