O pai do motorista adolescente foi repreendido pelo tribunal

Um adolescente preso por dirigir imprudentemente um riquixá e ferir três passageiros, incluindo um bebê de cinco meses, foi enviado para uma unidade correcional. O juiz repreendeu o pai do adolescente acusado no tribunal na segunda-feira.

O filho de 15 anos de um advogado da Suprema Corte foi apresentado a um tribunal de Dhaka em conexão com o incidente em Bailey Road, na capital, e a polícia o prendeu para interrogatório. Seu pai, Tarzel Hossain, pediu fiança em seu nome, disse o advogado Hasibuzzaman.

A juíza Al-Mamun do Tribunal de Repressão ao Abuso de Mulheres e Crianças nº 8 de Dhaka ordenou que a adolescente fosse enviada para o Centro de Desenvolvimento Juvenil de Tongi em Gazipur.

Durante a audiência, o juiz mostrou ao adolescente e disse: ‘Ele não tem idade para dirigir um carro. Sem licença. Por que você deu a ele um carro? Por que seu pai é tão irresponsável? ‘

Questionado sobre quem registrou o carro, o adolescente disse que o carro estava em nome do pai. A promotora Jasmine Akhter então disse ao juiz: “O carro usado foi comprado há seis meses. Seu pai é advogado no Supremo Tribunal.

Questionado sobre se o juiz Tarzel tinha licença para dirigir o carro de seu filho, ele disse que não, “ele não conhecia o carro que seu filho estava dirigindo”.

Naquela época, o juiz disse a ele: “Você deveria ser punido”.

O juiz disse ao adolescente, um aluno do 10º ano da Wills Little Flower School em Cockrell, “ainda falta muito tempo. Cresça, você pode dirigir muitos carros. Você é filho de um. A criança que você machucou também é filho de alguém. Quanto tempo, quantos dias faltam, a vida é tão curta? ‘

Embora o pedido de prisão preventiva tenha sido rejeitado considerando a criança, o juiz permitiu um dia o interrogatório na presença do oficial encarregado do centro de desenvolvimento juvenil.

De acordo com o caso apresentado na Delegacia de Polícia de Hatirjheel, o funcionário do Shahjalal Islami Bank, Fakhrul Hasan, morador da área de Magbazar na capital, saiu com seu filho de cinco meses na tarde de sexta-feira. Ele estava viajando em um riquixá de Magbazar para Ramna Park via Bailey Road. No caminho, um carro particular em alta velocidade imprudente na Bailey Road empurrou o riquixá que os transportava por trás. O puxador do riquixá, Anwar Islam, também ficou gravemente ferido junto com os dois. Após o incidente, a polícia ligou para o Serviço Nacional de Emergências, número 999, resgatou os três e os internou no hospital.

No dia seguinte, por volta das 8h30, o adolescente levou sua mãe de ônibus para a casa de seu avô em Gangni, Meherpur. De lá ele foi para a casa de sua tia em Alamdanga, Chuadanga e se escondeu.

Posteriormente, a polícia da divisão de Tejgaon do DMP prendeu o adolescente com a ajuda das duas delegacias envolvidas.

(Dhaka Times / 22 de novembro / KM)


Source: Dhakatimes24 Online by www.dhakatimes24.com.

*The article has been translated based on the content of Dhakatimes24 Online by www.dhakatimes24.com. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!