O plano de construir um paciência perto de Prokop foi rejeitado

O plano regulamentar detalhado da Railway City para a construção de dois jogos de paciência foi rejeitado 50 e 80 metros de altura no assentamento de Stjepan Filipović, em frente à estação ferroviária de Prokop. Representantes dos cidadãos também estiveram presentes na sessão à porta fechada da Comissão de Planejamento.

Prokop

Prokop (Foto: Urbanistički centar doo)

Os moradores lutam há seis meses contra essa construção e agora o espaço vai virar área verde pública, e o novo PDR será aprovado na sessão da Assembleia da Cidade no final de janeiro.

Numerosos meses de reuniões e protestos de cidadãos, mas também conversas no Governo com a Primeira-Ministra Ana Brnabić e o principal urbanista da cidade, Marko Stojčić, deram finalmente frutos. Além disso, os comentários bem argumentados da equipe de especialistas, que representou mais de 1.500 inquilinos insatisfeitos em conversas com as autoridades, foram aceitos como válidos, e a principal conclusão é que, com a construção do solitário, o famoso deslizamento de terra poderia “funcionar” novamente.

– Ontem, a comissão chegou à conclusão de que as objeções dos cidadãos foram aceitas do conhecimento público, por isso a construção de instalações e todas as outras soluções são excluídas do projeto de PDR – pontua a representante dos inquilinos, Jelena Dinić. – O objetivo futuro do terreno será uma área verde, sendo que a unidade CIP está definida no plano como existindo com a finalidade de um centro social. Este PDR será adotado na próxima sessão da Assembleia da Cidade no final de janeiro. Embora a sessão de ontem tenha sido encerrada, estiveram presentes quatro dos nossos representantes, o que lhe confere uma legitimidade ainda maior. O investidor certamente construirá um prédio de estação em Prokop, conforme planejado anteriormente, mas não solitários.

Quando o plano de regulamentação detalhado para esta parte da capital foi tornado público, os cidadãos se rebelaram, e a Faculdade de Engenharia Civil também aderiu à discussão. Em seguida, elaboraram um estudo sobre as condições geotécnicas para as necessidades de realização do PDR, graças aos comentários dos inquilinos, no início da percepção, em que ficou claro que a construção do complexo terá um impacto na estabilidade do declive durante a construção e uso.

Os moradores mais velhos do assentamento de Stjepan Filipović, que consiste em cinco edifícios de vários andares e um de cinco andares, lembram o deslizamento de terra que foi ativado na década de 1970, durante as escavações para alargar o planalto da futura estação ferroviária. Na ocasião, ao longo de todo o planalto, onde agora está prevista a construção do solitário, abriram-se fendas de 15 a 20 metros de profundidade e até cinco metros de largura. O deslizamento foi então reparado com a ajuda de um muro de contenção de concreto armado.


Source: Gradjevinarstvo.rs – VESTI by www.gradjevinarstvo.rs.

*The article has been translated based on the content of Gradjevinarstvo.rs – VESTI by www.gradjevinarstvo.rs. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!