o site Doctolib sobrecarregado, 500.000 consultas feitas desde o meio-dia


Não se arrastou. Assim que a entrevista coletiva de Olivier Véran terminou, as nomeações para um reforço da vacina anti-Covid aumentaram!

O site Doctolib foi tomado de assalto. “Muitos de vocês estão tentando marcar uma consulta”, disse a plataforma nesta quinta-feira no início da tarde, mencionando mais de 30 minutos de espera para acessar os horários da terceira dose da vacina.

Nos 90 minutos que se seguiram ao anúncio pelo Ministro da Saúde da abertura do reforço vacinal a todos os adultos, já foram feitas cerca de 350 mil consultas, revelou a plataforma. E o público em geral já havia se antecipado aos anúncios do governo, já que 360 ​​mil vagas haviam sido reservadas quarta-feira, um salto de 70% em relação ao dia anterior.

No final do dia de quinta-feira, mais de 500.000 nomeações foram feitas desde os novos anúncios. Uma gravação!

Sem estresse, sem pânico

Durante a sua conferência de imprensa, Olivier Véran disse que este afluxo “não é surpreendente”. Mostra que “há apetite dos franceses”. Porém, “sem stress, sem pânico: se o local saturar, será restaurado nos próximos minutos ou horas, vimos isso sempre que tem havido anúncios como estes”, relativizou o ministro da Saúde.

Para que o reforço da vacina coincida com o tempo entre duas doses, é revisada a validade do passe de saúde: ele será desativado sete meses após a segunda dose, sendo obrigatória uma terceira dose para mantê-lo. A partir de 15 de janeiro, o passe de saúde será desativado para quem recebeu a segunda dose antes de 15 de junho. “Vocês têm dois meses, e durante os dois meses que chegarão cada um poderá ter sido vacinado na devida forma”, tranquilizou Olivier Véran .

Lembrete de vacina para todos, testes de PCR, aprovação de saúde … os seis anúncios de Olivier Véran

> Encontre em nosso artigo todas as medidas anunciadas por Olivier Véran, o Ministro da Saúde e Jean-Michel Blanquer, o Ministro da Educação Nacional.

O governo pretende “fortalecer” os postos de vacinação para atender às demandas, e também “contar fortemente” com a medicina municipal – além de farmacêuticos, enfermeiras, parteiras ou outros fisioterapeutas – para a aplicação das injeções. Além disso, ao contrário da situação que prevalecia quando chegaram as primeiras doses, há pouco menos de um ano, “temos em estoque, enquanto falo com vocês, vacinas suficientes para vacinar. Todos”, disse o ministro da Saúde.


Source: Le Progrès : info et actu nationale et régionale – Rhône, Loire, Ain, Haute-Loire et Jura | Le Progrès by www.leprogres.fr.

*The article has been translated based on the content of Le Progrès : info et actu nationale et régionale – Rhône, Loire, Ain, Haute-Loire et Jura | Le Progrès by www.leprogres.fr. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!