Tolerância de deslocamento


Se há algo – junto com outros modismos de extrema esquerda – que está faltando na Hungria hoje, como uma lagoa de vidro, é o anti-semitismo de esquerda importado, o ódio aos judeus envolto em anti-israelismo de guerra de classes (que não é o mesmo que crítica da atual política israelense). Se tivéssemos Roger Waters do Pink Floyd, Alina Pas também poderia culpá-lo por suas explosões antissemitas, mas não o fazemos. A campanha de boicote ao BDS anti-Israel também se enraizou em nós tanto quanto as imitadoras de mulheres em um jardim de infância nas planícies. Ao mesmo tempo, é preciso ter cuidado, a estupidez (também) vem do Ocidente, e o que não deixamos não vai se acomodar.

É uma expectativa legítima – vale ressaltar, não só dos judeus, mas de toda a sociedade, desde a pessoa que simplesmente quer viver em paz, até o leitor que entende o livro de história do ensino médio até a pessoa que faz uma vivendo do turismo – que não há lugar para incidentes anti-semitas em Budapeste. Nos últimos dias, as autoridades rapidamente conseguiram prender o suspeito que rabiscou uma suástica em uma das sinagogas de Buda – o governo e a administração distrital da oposição se distanciaram de seu ato como uma só pessoa. Não é demais enfatizar que o ódio feroz – não apenas o antijudaico, mas também, por exemplo, as atrocidades anti-húngaras do século XX nos estados vizinhos, porque não vamos esquecê-los – não começa com valas comuns, mas com palavras e símbolos. Pode ser tarde demais para intervir. Por isso é essencial que as festas populares também não nos tragam problemas – nem mesmo envoltas em tolerância, diversidade e outros slogans barulhentos.

No final da semana, os atletas de Israel venceram a maratona por equipes nas “mini-olimpíadas” de Munique. Esta é uma vingança nobre depois que onze membros de sua delegação foram mortos por terroristas palestinos nos jogos de cinco ringues realizados na capital da Baviera há apenas cinquenta anos. Ao mesmo tempo, a tolerância também não é completa em Munique: os atletas russos e bielorrussos já foram banidos coletivamente dos atuais Jogos com bastante antecedência. Como se pudessem fazer com a guerra de Putin.

Imagem da capa: ilustração (Foto: Máté Bach)


Source: Magyar Nemzet by magyarnemzet.hu.

*The article has been translated based on the content of Magyar Nemzet by magyarnemzet.hu. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!