Vários mortos, incluindo o comandante da Jihad Islâmica

Hoje, o exército israelense realizou uma operação contra o grupo extremista palestino Jihad Islâmica na Faixa de Gaza. Um comandante de alto escalão da Jihad Islâmica foi morto no ataque, assim como uma menina de cinco anos.

profimídia

Palestinos no funeral do comandante da Jihad Islâmica Tayseer al-Jabari, que foi morto hoje em um ataque aéreo israelense junto com outro palestino na Cidade de Gaza.

O Ministério da Saúde da Faixa de Gaza anunciou que uma menina de cinco anos também estava entre os mortos.

gaza 2profimedia-0712214802

profimídia

Palestinos lamentam o corpo de uma menina (5) que foi morta em um ataque aéreo israelense em um necrotério de hospital na Cidade de Gaza hoje, 5 de agosto de 2022. Os militares israelenses anunciaram hoje que lançaram ataques aéreos em Gaza, testemunhados por palestinos no Centro da cidade.

Pelo menos oito pessoas morreram e pelo menos 44 ficaram feridas no ataque, segundo a dpa, citando fontes palestinas. Eles também disseram que viram vários ataques, incluindo um no centro da Cidade de Gaza.

gaza 3profimedia-0712231336

profimídia

Fumaça sobe de um prédio após o ataque aéreo israelense na cidade de Gaza hoje.

Lá, a Força Aérea de Israel supostamente atacou um apartamento em um prédio de escritórios de dez andares. Uma alta coluna de fumaça subiu do telhado à tarde. Também foram relatados ataques de Han Yunis no sul da Faixa de Gaza. De acordo com o Ministério da Saúde em Gaza, que está sob o controle do movimento extremista Hamas, vários palestinos ficaram feridos lá.

Um dos líderes do Movimento Jihad Islâmico também foi morto

Os militares israelenses confirmaram em comunicado que realizaram ataques na Faixa de Gaza hoje e afirmaram que a operação foi dirigida contra o grupo Jihad Islâmico. Ao mesmo tempo, eles anunciaram que 15 extremistas foram mortos nos ataques e alertaram que a operação contra a Jihad Islâmica ainda não terminou.

O grupo anunciou que um de seus líderes foi morto no ataque. “O Movimento da Jihad Islâmica na Palestina e sua ala militar, as Brigadas al-Quds, estão de luto pelo grande comandante jihadista Tayser al-Jabari ‘Abu Mahmud’, que foi morto em um assassinato sionista em Gaza”. eles escreveram em um comunicado.

Autoridades teriam recebido uma denúncia sobre um ataque a Gaza

Primeiro-ministro de Israel Jair Lapid disse na mensagem que a operação era para “remoção de ameaça concreta contra cidadãos israelenses”. O governo israelense não permitirá que terroristas ameacem seus cidadãos, acrescentou, segundo a agência de notícias italiana Ansa. Um líder da Jihad Islâmica foi preso em uma operação antiterrorista israelense na Cisjordânia na segunda-feira Base triste, após o que as Brigadas al-Quds ameaçaram retaliação. Após a prisão, Israel fechou todas as passagens para Gaza e levantou o alerta devido ao aumento das tensões. De acordo com a mídia israelense, as autoridades teriam recebido uma dica concreta sobre um possível ataque de Gaza.


Source: Svet24.si by novice.svet24.si.

*The article has been translated based on the content of Svet24.si by novice.svet24.si. If there is any problem regarding the content, copyright, please leave a report below the article. We will try to process as quickly as possible to protect the rights of the author. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content of the author and always include the original link of the source article.If the author disagrees, just leave the report below the article, the article will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!